EXPECTATIVAS PARA O VERANEIO: Conversa com o secretário de Turismo de Torres

Quarta, 26/10/2016

Por Guile Rocha

____________
 

Vocação socioeconômica de Torres há mais de um século, o turismo necessita, antes de cada temporada de veraneio, de pessoas pensando em seu planejamento para a época em que a cidade fica mais cheia. E por isso o jornal A FOLHA conversou, no último dia 14 de outubro (sexta-feira) com o secretário municipal de Turismo, Denver Reginato. Com um histórico de participação na área musical da cidade, o advogado de 34 anos vem há alguns meses atuando a frente da Secretaria, em substituição a Vivian Rocha (que antes ocupava o posto).
O planejamento estratégico e as expectativas para o veraneio na cidade foram a pauta de nosso encontro. Denver conta que as previsões são de mais um verão com Torres cheia de turistas, sendo que pesquisas já apontam para a presença de um número ainda maior de argentinos e uruguaios visitando nossas praias. “Em 2015 foram 965 mil pessoas ingressando nas fronteiras gaúchas (vindos de Uruguai e Argentina). Considerando que há pesquisas apontando que, apenas entre janeiro e julho deste ano, já tínhamos o ingresso de 907 mil visitantes 'hermanos'. Os números demonstram que eles estão vindo mais para o RS. E como Torres é um dos destinos preferidos destes turistas, tem-se a expectativa de que um grande número de argentinos e uruguaios venha para nossas praias”.
Quanto a detalhes burocráticos, visando licenciamentos para utilização da faixa de praia no verão (para eventos esportivos e de lazer), Denver ressalta que foram feitos encaminhamentos de projetos e memoriais descritivos junto a Fepam (Fundação Estadual de Proteção ao Meio Ambiente) e SPU (Superintendência do Patrimônio da União). “São providências importantes a serem tomadas, e conseguimos aprovação sem ressalvas, enquanto outros municípios do Litoral vêm apresentando problemas”, destaca o secretário, reforçando que as guaritas de salva-vidas devem ser instaladas na orla a partir do final de novembro, de acordo com as disposições da Operação Golfinho (que visa à segurança no período de veraneio). “A revitalização das casinhas de salva-vidas está sendo realizada em parceria com a VCA Maggi Construtora e incorporadora, firmada através de termo licitatório. Em contrapartida, a empresa terá direito de utilização publicitária das guaritas”.
Já em relação à regularização dos vendedores ambulantes, esta será articulada pela Secretaria de Indústria e Comércio em conjunto com a Diretoria de Fiscalização. “Teremos um número restrito de alvarás expedidos (aos ambulantes), para que a atividade não impacte significativamente no comércio local, buscando também controlar a venda de produtos sem procedência”.

 

Revitalização do histórico Bar Abrigo e a parceria com os hoteleiros

Quando questionamos sobre a revitalização do histórico Bar Abrigo - construção erguida nos anos 40 junto as formações rochosas no fim da Praia Grande - o atual secretário de Turismo recorda que foi estabelecida uma parceria, entre a prefeitura e a SAPT, para tornar o espaço um local para informação e serviços ao turistas, uma espécie de unidade a beira mar. “A reforma está sendo feita a custo da SAPT, que planeja entregar até o final do verão. (A reforma) é algo para dar segurança para aquele espaço (que estava abandonado) e permitir que possa entrar em atividade com fins públicos”.
Denver salienta que a Secretaria Municipal de Turismo - em parceria com a Associação dos Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares de Torres (AHBRS) e Sindicato de Hotéis do Litoral Norte - tem se reunido com o objetivo de pensar na política turística do município de forma integrada. “Ações como a criação do programa Hospedagem Legal, pela regularização dos meios de hospedagem em Torres, estão entre nossos principais esforços. Além disso, buscamos definir estratégias para captação de eventos para o litoral Norte - junto à Associação Brasileira de Empresas de Eventos.
 

Governo de transição participando das ações para o réveillon e veraneio

Denver Reginato indica que o novo governo, recentemente eleito em Torres - tendo Carlos Souza como prefeito e Carlos Amoretti como vice - já conta com uma equipe de transição que, “com certeza terá participação nas ações estratégicas do turismo para o verão”. O secretário municipal de turismo informa que a festa de Réveillon de 2017 não vai ser terceirizada, diferentemente do que ocorreu ano passado. “Teremos no ano novo show pirotécnico, estruturas, atrações musicais, seguranças e banheiros químicos que vão ser custeadas pela administração municipal, mas seguindo o princípio da economicidade. A questão das atrações ainda está sendo estudada e os artistas ainda não foram definidos. Estamos negociando, buscando uma boa atração por um preço justo.
O secretário afirma que, diante da crise político-econômica nas três esferas do poder executivo, o turismo deverá ser trabalhado de forma muito planejada nos próximos anos, com diretrizes claras a esta realidade. Denver pensa que o turismo deve trabalhar integrado a rede gastronômica, hoteleira, construção civil e demais forças de nossa economia. “A busca por parcerias público-privadas é uma constante, e o fortalecimento do Conselho Municipal de Turismo de Torres é uma ferramenta chave para o sucesso da promoção e desenvolvimento do turismo”, conclui Denver Reginato.

 


Fonte: www.afolhatorres.com.br

http://www.afolhatorres.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=6800:expectativas-para-o-veraneioconversa-com-o-secretario-de-turismo-de-torres&catid=7:catturismo&Itemid=7